Sonhos & Felicidade

Como Despertar o Teu Propósito de Vida?


Por Allan Sousa

Pessoalmente acredito que a vida pode ser vivida a 3 níveis: ao nível da sobrevivência, ao nível do sucesso e ao nível da vida com significado. Hoje queria escrever umas breves palavras sobre este último nível – viver com significado, ou seja, com um propósito maior.

Havia essencialmente duas perguntas que muitas vezes surgiam no meu pensamento: “O que quero fazer com a minha Vida?” e “Como posso contribuir para algo ou alguém?” Esta foi durante muitos anos uma pergunta que não tinha resposta que me fizesse sentir cheio de Energia. Será que percebem o que quero dizer?. Muitos são os que não conseguem responder às perguntas que referi anteriormente. Foi o que me aconteceu até há cerca de 3 anos atrás..

Gostava de partilhar contigo, algumas formas para despertares o teu propósito de vida. E lembra-te que descobrir o teu propósito de vida não tem de ser um bicho de 7 cabeças.

1. Ouve a tua voz interior. É preciso prática para ouvirmos os nossos desejos mais profundos. A nossa paixão encontra-se muitas vezes no nosso interior e se tivermos com atenção ela pergunta-nos em tom muito baixinho: “Lembraste do que é importante para ti? Sabes o que te faz verdadeiramente feliz? Considero fundamental voltarmos a reaprender a tomar atenção à nossa intuição – voz interior.
Sugestão: vai fazer uma caminhada na natureza sozinho e diz-me qual foi a tua experiência.

2. Decide que tipo de pessoa queres ser. Em vez de te focares no que queres fazer, concentra-te no tipo de pessoa que queres ser. Deixa que isso te guia nas tuas decisões.

A vida não se limita ao que podes ter mas sim ao que podes dar. Alguém perguntou sabiamente: “Que tipo de pessoa queres ser? Quando souberes quem queres ser, constrói a visão da vida que queres desenvolver para ti e para os outros.

3. Traz o coração naquilo que fazes. É necessário coragem para descobrires uma profissão que ames. Passar tempo a descobri-la é tempo que me parece muito bem gasto, pois pode fazer a diferença na tua vida e fazer-te reganhar energia e motivação.

4. Não te sintas arrependido. Se ainda não te sentes preparado para descobrir o teu propósito de vida, não te sintas culpado. Age hoje e agarra a vida com toda a força. Hoje é o tempo certo.

5. Dá o primeiro passo. O destino da tua vida não te vai ajudar, até ao momento que decidas saltar para fora da zona de conforto. Prepara-te para mudanças na tua vida e começa a tomar acção agora.

Mencionei algumas formas de despertar a descoberta da teu propósito de vida. Essencialmente para viveres desta maneira tens em primeiro lugar de saber o que realmente gostas de fazer. Quando procurares viver segundo as tuas paixões, verás que as portas se abrem e os recursos surgem como por magia.

Eis algumas perguntas que podes colocar a ti próprio:

– O que é que gosto de fazer nos meus tempos livres?
– Quais as tarefas que costumo fazer e para as quais me considero e/ou me consideram um especialista?
– O que consigo fazer durante horas , ficando com a sensação de que o tempo passou rapidamente?
– O que farias caso não precisasses de dinheiro?

Responde com toda a honestidade e sem preconceitos. Não te esqueças que o que está em jogo é a tua felicidade e não o que os outros possam pensar de ti. Se quiseres partilhar algo relativamente a este artigo será um prazer ler o teu comentário.

 

Não há mais desculpas!


Todos nós temos as nossas desculpas para não fazermos aquilo que sonhamos fazer. “Sou demasiado velho; muito gordo; tenho pouca experiência; não tenho educação; sou casado; sou solteiro; não consigo; se tivesse dinheiro; a economia está má; já é tarde demais; etc. A pianista chinesa Zheng Guigui de 19 anos não tinha nenhuma desculpa quando ela decidiu tocar piano há 3 anos atrás. O facto de ela não ter dedos na mão direita não foi motivo suficiente para ela não conseguir atingir o seu desejo.

Depois de ver este video inspirador, não vai ter mais desculpas para começar já a fazer aquilo que sabe que tem de fazer para se sentir realizado.

Qual é a sua desculpa?
Quais são as teclas do seu piano que o fazem vibrar?

Indo atrás de um Sonho


“Se não tivermos um sonho, como é que podemos fazer com que o sonho se realize?”
~ Oscar Hammerstein



A alguns anos atrás deparei-me com o livro “O Alquimista”. Uma história simples sobre sermos fiéis ao desejo do nosso coração.

No livro o Rei Salem diz a Santigo, o jovem pastor que sonhava em viajar pelo mundo, “Todos nós quando somos jovens, sabemos qual o nosso destino. Nessa altura tudo é claro e possível. Não temos qualquer recheio em sonhar, ansiando por tudo aquilo que gostaríamos que acontecesse na nossa vida”.

A maior parte das vezes não arriscamos. Permanecemos confortáveis e seguros. E supostamente sentimos menos inspiração pela vida e eventualmente até somos um pouco cínicos em relação à busca de sonhos de outras pessoas.

O Rei, continuou e disse, “Realizar o seu destino é a sua única obrigação real …. E quando queremos alguma coisa, todo o universo conspira e ajuda para que os nossos mais nobres desejos se concretizem ”

Se acreditar nisto, terá você a coragem de ir atrás daquilo que verdadeiramente deseja?

Gostei deste video e gostava de partilhar consigo.

7 Perguntas para descobrir a semente que vai plantar em 2011


Estamos a viver momentos difíceis em Portugal e no resto do mundo. A crise ou como eu prefiro chamar a Tempestade é uma evidência que nos toca a todos de uma forma ou de outra. Contudo julgo que estamos também num período ideal para refazer as nossas prioridades, valores, hábitos pessoais e por isso é o momento oportuno para olharmos para as nossas sementes internas e pensar como é que as podemos regar para este novo ano.

Gostaria de desafiar todos os que lerem este post a reflectirem sobre 7 perguntas:

1.Que contribuições queres ter deixado para as pessoas à tua volta – família, amigos, trabalho comunidade?

2.Que qualidades queres que as pessoas vejam em ti?

3.Que mudança queres oferecer à tua comunidade de forma a seres lembrado pelas gerações seguintes?

4.Que mudanças queres deixar no ambiente de trabalho e nos teus colegas?

5.O que gostarias que os teus netos soubessem de ti para que ficassem orgulhosos?

6.Quais são as áreas da tua vida que gostarias que fossem diferentes? Como vais criar essa mudança? Como seria a tua vida idealmente?

7.Quais são as diferentes papéis que tens (pai, mãe, irmão, director de obra, etc.)? Que alterações queres introduzir nestes papéis?

Estas perguntas tiveram um grande importância na minha vida e ensinaram-me a ver a vida de uma perspectiva completamente diferente, transformando-a e trazendo-me sucesso.

Aqui fica a minha sugestão: senta-te com esta lista de perguntas e escolhe aquela que fizer mais sentido para ti. Pode ser a questão que te fez rir ou aquela que te trás mais desconforto. O importante é escolhas uma das perguntas e escrevas a tua resposta.

Enquanto estiveres a responder à pergunta, pensa nas pessoas que gostarias de partilhar a tua resposta e pergunta-lhes a sua opinião. Partilhando e recebendo feedback dessas respostas eu estou convencido que isso irá conduzir-te a que tomes algumas acções positivas. Se acontecer não hesites e age de acordo com a tua intuição. Não tenhas medo! 🙂

Para que cada um de vocês entre em 2011 com boa energia gostaria de vos convidar a ouvir esta bela música de Ivete Sangalo e Sandra Passo. Votos de um próspero ano de 2011 cheios de grandes descobertas e oportunidade de crescimento pessoal.

Passos simples rumo ao nosso sonho

dream

Passo 1
Primeiro temos de reconhecer que o sonho tem de ter uma prioridade nas nossas vidas. Muitas vezes fazemos tudo menos aquilo que deveríamos fazer para estarmos alguns passos mais perto daquilo que queremos alcançar. O que acontece na maior parte das vezes é que isso fica sempre em segundo plano.

Mas se não for agora, quando será? Se actuarmos dessa forma, apenas ficamos com aquela sensação de frustração que nos leva inevitavelmente à procrastinação. Obviamente que isto não significa que temos de pôr de parte as nossas responsabilidades e relacionamentos – apenas trazer para a nossa consciência que o nosso sonho, a nossa paixão para se tornar uma realidade tem de ser tratada com toda a atenção.

Passo 2
Constatei que para manter “momentum” em relação ao nossa visão/sonho é crucial fazermos todos os dias algo que nos faça avançar nesse sentido. Isto faz especialmente sentido se temos um trabalho a tempo inteiro fora da realidade do nosso SONHO. É muito difícil de regressar do trabalho depois de 8 horas ou mais e trabalhar para o projecto do nosso sonho, mesmo que seja algo que gostamos de fazer. Mas teremos outra alternativa, se quisermos de facto realizar o nosso projecto maior? Não será melhor avançar devagar mas pelo menos avançar?

Passo 3
Lê tudo o que for possível sobre aquilo que queres alcançar. Nunca se sabe se ideias inspiradoras e criatividade possam daí florescer. Uma ideia brilhante pode mudar a tua vida! Mas para isso é necessário cultivar e alimentar a nossa mente com os ingredientes certos para que momentos de inspiração aconteçam.

Passo 4
Procura uma forma de usares o teu sonho para ajudares outras pessoas. Isso pode ajudar a tornar o sonho em algo ainda maior e motivar-te em momentos mais difíceis. Poderá haver momentos de falta de confiança que até deixes de acreditar que vais ser capaz. Nessa altura é muito importante ter bem claro que diferença podes fazer às pessoas para voltarmos a pôr as mãos à obra.